Cozinhar é uma terapia que contribui para o bem-estar e o equilíbrio emocional. Cozinhar ouvindo as músicas preferidas, preparar a comida pensando nas pessoas que irão se alimentar, os elogios que irá receber, faz você distrair e se desligar dos seus problemas. Há quem diga que cozinhar é uma arte. Mas também pode ser um grande prazer. Cozinhar pode ser uma forma de descontrair, de relaxar, de se divertir. O cuidado e a atenção de quem cozinha são importantes. Para que haja esse cuidado e para que se possa alegrar a pessoa a quem se vai oferecer a comida, é preciso eliminar ou mudar o pensamento de que cozinhar é chato, de que é trabalhoso, etc. Mude o pensamento, lembre-se que além do próprio alimento, a pessoa vai absorver também o sentimento com que você fez a comida. Se você preparar o alimento com amor, surgirá nas pessoas o sentimento de fraternidade e de agradecimento por aquela comida. Experimente fazer com este intuito. Para aqueles que já apreciam o hábito de cozinhar, não o percam, e para os que não gostam, descubra o bem que pode fazer à você. Por isso é preciso repensar o quanto "ganhamos e perdemos" com nossas escolhas. Acredito que o equilíbrio, o meio termo é uma ótima opção. Não abandone a cozinha, faça do ato de cozinhar uma terapia nos momentos possíveis e ganhe mais saúde e o amor de seus familiares.

Seja Bem-Vindo!! Bom Apetite! Cadastre-se para seguir o blog..Em breve muitas surpresas .

sexta-feira, 25 de março de 2016

TORTA DE BACALHAU DA NANA.

ESSA RECEITA É A MINHA PREFERIDA.
A MAIS DE 20 ANOS SENDO FEITA..JÁ VIROU UMA TRADIÇÃO. 
1 kg de bacalhau
4 colheres de sopa de azeite
8 batatas grandes
3 tomates picados
1 cebola grande picadinha
2 colheres de sopa de coentro
2 colhres de sopa de salsa picada
1/4 de xícara de azeitona picada
1 garrafa de leite de coco
3 ou 4 ovos
queijo ralado

Modo de fazer

deixar o bacalhau de molho de véspera
trocando a água de vez em quando. Afervente e desfie. Faça um refogado com o azeite, os tomates, a cebola, o coentro, a salsa e o bacalhau, as azeitonas e as batatas cortadas em cubinhos.
Tampe a panela e diminua o fogo.
Quando estiver tudo cozido e o molho bem grosso junte o leite de coco e mexa.
Apague o fog.
Numa travessa refratária untada coloque o refogado de bacalhau.
Bata os ovos e ponha por cima...salpicando por último o queijo ralado.
Leve ao forno e espere dourar...
Todo natal e sexta feira santa faço esse prato..isso a muitos anosssssssss..


quarta-feira, 2 de março de 2016

CREME DE ABÓBORA



1 peito de frango cortado em cubos pequenos
 1/2 embalagem de bacon  sadia ou 70 gramas de bacon em cubos
1 cebola média  picada
4 dentes de alho amassados
1 abóbora moranga em pedaços médios
1/2 maço de Rúcula picado
sal a gosto
Manjericão a gosto em folhas frescas

Numa panela, frite o bacon em sua própria gordura, acrescente a cebola, o alho e refogue até a cebola amolecer. Junte o peito de frango, tempere com sal e pimenta e refogue bem. Adicione 1 litro de água, espere ferver e junte a abóbora.



  • Quando a abóbora estiver macia, retire-a com uma escumadeira e bata-a no liquidificador com um pouco do caldo do cozimento até obter um creme.

  • Volte o creme à panela, acrescente as folhas de manjericão e um pouco mais de água para que o caldo não fique muito grosso. Tampe a panela, desligue o fogo e aguarde cerca de 5 minutos. Sirva com a rúcula salpicada.

  •  

    Bolo de milharina cremoso





    4 ovos 1/2 copo de óleo 1 copo de açúcar 1 copo de leite 1 copo de milharina 1/2 vidro de leite de coco 1/2 copo de coco ralado 1/2 copo de queijo ralado 1 colher de fermento

    Junte todos os ingredientes no liquidificador e bata Por último o fermento Despeje em uma forma com furo central, não precisa untar Leve ao forno médio, pré-aquecido, por cerca de 40 minutos, ou até dourar

    http://www.showdereceitas.org/