Cozinhar é uma terapia que contribui para o bem-estar e o equilíbrio emocional. Cozinhar ouvindo as músicas preferidas, preparar a comida pensando nas pessoas que irão se alimentar, os elogios que irá receber, faz você distrair e se desligar dos seus problemas. Há quem diga que cozinhar é uma arte. Mas também pode ser um grande prazer. Cozinhar pode ser uma forma de descontrair, de relaxar, de se divertir. O cuidado e a atenção de quem cozinha são importantes. Para que haja esse cuidado e para que se possa alegrar a pessoa a quem se vai oferecer a comida, é preciso eliminar ou mudar o pensamento de que cozinhar é chato, de que é trabalhoso, etc. Mude o pensamento, lembre-se que além do próprio alimento, a pessoa vai absorver também o sentimento com que você fez a comida. Se você preparar o alimento com amor, surgirá nas pessoas o sentimento de fraternidade e de agradecimento por aquela comida. Experimente fazer com este intuito. Para aqueles que já apreciam o hábito de cozinhar, não o percam, e para os que não gostam, descubra o bem que pode fazer à você. Por isso é preciso repensar o quanto "ganhamos e perdemos" com nossas escolhas. Acredito que o equilíbrio, o meio termo é uma ótima opção. Não abandone a cozinha, faça do ato de cozinhar uma terapia nos momentos possíveis e ganhe mais saúde e o amor de seus familiares.

Seja Bem-Vindo!! Bom Apetite! Cadastre-se para seguir o blog..Em breve muitas surpresas .

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

CALDO VERDE PORTUGUÊS

6 batatas grandes ou 8 médias - 8 folhas de couve bem grandes (mais ou menos meio maço grande) - 1 lingüiça portuguesa defumada - alho - azeite extra-virgem - água o quanto baste para a sopa

Tire a pele da lingüiça e descarte. Corte e a lingüiça em rodelas e reserve. Coloque água para ferver num caldeirão (cerca de 2 litros); quando ferver, acrescente as lingüiças e deixe aferventar. Enquanto isso, descasque as batatas e corte em pedaços pequenos. Quando a lingüiça estiver aferventada, retire-a da água e aproveite esse caldo para cozinhar as batatas. Enquanto isso, lave bem a couve e corte em fatias muito fininhas (o mais fininho que conseguir!). Quando as batatas estiverem cozidas, retire-as da água com uma escumadeira e passe-as pelo espremedor de batatas, até virar um purê. Deixe o caldo fervendo e junte novamente as lingüiças pré-cozidas e agora o purê de batatas. Mexa bem. O caldo vai engrossando levemente. Acrescente toda a couve e vá mexendo. Deixe ferver, mexendo de vez em quando. À parte, frite 3 dentes de alho grandes (bem picadinhos) em uma porção generosa de azeite. Quando estiverem douradinhos, coloque uma concha do caldo da sopa no refogado e mexa bem, levando tudo ao caldeirão. Prove o sal, deixe engrossar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!! Adorei receber a sua visita!!!! Volte Sempre!!!