Cozinhar é uma terapia que contribui para o bem-estar e o equilíbrio emocional. Cozinhar ouvindo as músicas preferidas, preparar a comida pensando nas pessoas que irão se alimentar, os elogios que irá receber, faz você distrair e se desligar dos seus problemas. Há quem diga que cozinhar é uma arte. Mas também pode ser um grande prazer. Cozinhar pode ser uma forma de descontrair, de relaxar, de se divertir. O cuidado e a atenção de quem cozinha são importantes. Para que haja esse cuidado e para que se possa alegrar a pessoa a quem se vai oferecer a comida, é preciso eliminar ou mudar o pensamento de que cozinhar é chato, de que é trabalhoso, etc. Mude o pensamento, lembre-se que além do próprio alimento, a pessoa vai absorver também o sentimento com que você fez a comida. Se você preparar o alimento com amor, surgirá nas pessoas o sentimento de fraternidade e de agradecimento por aquela comida. Experimente fazer com este intuito. Para aqueles que já apreciam o hábito de cozinhar, não o percam, e para os que não gostam, descubra o bem que pode fazer à você. Por isso é preciso repensar o quanto "ganhamos e perdemos" com nossas escolhas. Acredito que o equilíbrio, o meio termo é uma ótima opção. Não abandone a cozinha, faça do ato de cozinhar uma terapia nos momentos possíveis e ganhe mais saúde e o amor de seus familiares.

Seja Bem-Vindo!! Bom Apetite! Cadastre-se para seguir o blog..Em breve muitas surpresas .

terça-feira, 1 de julho de 2014

ROSCA DOCE




Receita : 1 pacote fermento seco 1 e 1/2 xícara (chá) água 1 lata leite condensado 2 colheres manteiga 3 ovos 1 kg farinha de trigo Misture todos os ingredientes até desgrudar das mãos, faça bolas e coloque na forma redonda untada com manteiga (não precisa por farinha na forma). Deixe crescer até dobrar de tamanho,, depois pincele com gemas e polvilhe açúcar cristal. Rende 3 roscas.

10 comentários:

  1. É bom voltar ao seu blog, ver e ler o que está publicando,só posso agradecer pelos textos, com que nos presentei-a,e posso dizer que tem aqui um agradável blog, desejo que continue de saude e com muita paz.
    Deixo as minhas saudações, com desejo de muitas felicidades.
    Sou António Batalha.
    Do Peregrino E Servo.

    ResponderExcluir
  2. Receita ótima, anotei, bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sejam todos bem-vindos!!!
      Abraços
      Ana Dias

      Excluir
  3. Querida Ana
    Tem um óptimo aspecto e não me parece ser muito difícil de fazer!
    Obrigada.
    Beijinhos
    Beatriz

    ResponderExcluir
  4. Querida Ana
    Deve ser muito bom para um lanche ou para a primeira refeição do dia!
    Obrigada por partilhar.
    Um beijinho
    Beatriz

    ResponderExcluir
  5. Olá,gostaria de saber por quanto tempo assa a rosca e se o fermento é o biológico, pois me interessei na receita,só q sou leiga no assunto em pães. Desde já sou mto grata,bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!! O fermento é o biológico..fermento de pão. 60 gramas..o tempo de forno depende muito do fogão da pessoa. Eu geralmente vou verificando no crescimento e quando está bem dourado. Espero ter ajudado. abraços.

      Excluir
  6. Oi no caso do fermento flashman de 10 gramas tenho q usar quantos?

    ResponderExcluir
  7. Fiz a rosca só que não cresceu tanto e por isso ficou um pouso pesada a massa. Fiz o processo correto e não sei o que pode ter dado errado.,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia Edilma!!
      Todas as vezes que fiz a rosca teve um bom crescimento.. a última por sinal usei fermento fresco e ficou ótima também.. O fermento estava na validade? Não sei o pq de não ter crescido.. No blog tem uma receita de pão para todos os tipos de salgado , que vc tb pode ao invés de colocar usar o sal colocar açúcar, Essa massa tb é maravilhosa..já fiz muito pão doce com ela..
      Espero ter ajudado
      Abraços
      Ana Dias

      Excluir

Olá!! Adorei receber a sua visita!!!! Volte Sempre!!!